domingo, 28 de fevereiro de 2010

Homesick

Eu vi neve. Eu vi aqueles bairros de gente rica cheio de árvores, bosques. Casas que a gente só vê em filmes. Gansos andando do lado da rua. Eu vi prédios extraordinários, construções magníficas. Nada parecido com o que existe no Brasil. Tudo isso em uma semana. É tudo muito novo e tudo muito lindo.

Mas eu não senti gelo na barriga, não tive vontade de chorar, ou me enchi de emoção. Acho que o choque da mudança me fez ficar com saudade do meu país. E mesmo que a gente precise de grandes muros e portões nas casas, ou que não neve, o Brasil ainda parece melhor pra mim.

Uma menina brasileira que eu conheci aqui disse que estava com medo de se desencantar com o Brasil. Eu não. Eu tenho medo de me desencantar com os EUA.

Brenda

6 comentários:

Stela disse...

Nossa Brenda, realmente o choque de realidade deve ser tremendo! Muita coisa nova e diferente! Demora pra se acostumar e cair a ficha né! Mas acho que pensaria como vc, acho que não vou me desencantar do Brasil...
Boa sorte ai no seu trabalho! Bjaao

Thaíszinha disse...

Nossa Bidola, eu também, como a sua amiga daí, tenho a sensação de que, quando eu for morar fora do país ano que vem, eu me desencante com o Brasil! A gente sempre pensa que todos os outros países são melhores que o Brasil... Mas lendo o seu post, me fez pensar... Será que eu vou sentir a mesma coisa que vc, ou não vou querer voltar mais? rsss...!
Bom, isso só saberei vivenciando...

Mil Beijos!

Muita Sorte e proteção: é o que eu sempre desejo para vc em minha orações!!!

SandraD disse...

Não sei se é exatamente verdade, mas dizem que a palavra "saudade" mesmo, com este sentido carregado de sentimentos, só existe na nossa língua. Eu costumava tentar explicar esta como "what you feel when you miss somebody" :s

Força aí, querida, você vai ganhar uma bagagem e tanto. Aproveite,

isabela disse...

eu sinto a mesma coisa nada como a nossa casa e um lanche do valdir! eheeh

O Escriba disse...

Você parou de blogar ou é impressão minha? Continue, não desanime. Acompanhei algumas coisas pelo twitter, é engraçado você chamar a criança de "o menino". Parece 'Vidas Secas'.

Rodrigo Kivitz disse...

Continue escrevendo Brenda.